Autor Tópico: Bravo 1.4 T-jet  (Lida 555816 vezes)

0 Membros e 2 Visitantes estão a ver este tópico.

hmlopes

  • Giannini

  • Offline
  • *
  • 589
  • Karma:
    +0/-0
  • Sexo
    Masculino

    Masculino
  • Texto Pessoal
    Bravo Sport Tjet ; 500 Lounge Twinair
Re: Bravo 1.4 T-jet
« Responder #6405 em: 19 de Julho, 2014, 12:37:05 »
A situação das  transmissões é de facto recorrente.

O meu ao inicio foi usado e abusado, mas o ritmo foi abrandando. Para já não deram sinal de fadiga, mas é lamentável que a Fiat não reconheça o defeito e recolha os carros.

Eu tenho um Fiat 500 que aos 27000km ficou sem embraiagem sem ter dado nenhum sinal de fadiga... foi num ápice... a condutora do dito 500 conduz de modo calmo, mas a Fiat entendeu que é de desgaste e é normal a embraiagem morrer aos 27000km assim do nada... não há defeito.  :smashfreakB:

Por isso a situação das transmissões é para seguir as mesmas pisadas... A culpa é do cliente! :smashfreakB:

Assim se perdem definitivamente os clientes na oficina e para futuras compras.

Nonnu

  • Moretti

  • Offline
  • *
  • 234
  • Karma:
    +0/-0
  • Sexo
    Masculino

    Masculino
Re: Bravo 1.4 T-jet
« Responder #6406 em: 20 de Julho, 2014, 13:18:36 »
hmlopes, não tenhas duvidas, fiat novamente será difícil...
uma transição não pode ter problemas aos 125 000, ainda por cima numa condução de único condutor e bastante estimada e 90% sempre em estradas boas...

desta vez tenho de me aguentar e arranjar, ate porque não tenho dinheiro para trocar de carro, e este tem de durar mais uns 6 anos

mas próxima compra será outra marca

radiador roto por defeito de fabrico (não assumido pela marca) aos 80 000
transmissões na sucata aos 125 000 por defeito das mesmas ( não assumido pela marca)

e vamos ver o que mais irá aparecer nos próximos tempos...

megane do meu sogro sofre á brava, ate porque minha sogra é um desastre a conduzir, comprou em nov 2008, zero problemas e tem 138 000
e acreditem, o carro sofre um bocado
apenas a apontar que os plásticos interiores onde aos mãos tocam, estão a gastar, de resto...


hmlopes

  • Giannini

  • Offline
  • *
  • 589
  • Karma:
    +0/-0
  • Sexo
    Masculino

    Masculino
  • Texto Pessoal
    Bravo Sport Tjet ; 500 Lounge Twinair
Re: Bravo 1.4 T-jet
« Responder #6407 em: 20 de Julho, 2014, 13:42:21 »
O que me chateia é mesmo a atitude... oiço muitas vezes noticias de marcas como a toyota que recolhem carros com 10 anos e mais para corrigir defeitos detectados.

Mas a fiat entende que um carro com cerca de 3 anos e com 27000km de uso normal e calmo, leva uma embraiagem e que o cliente nada tem mais a fazer que assumir esse custo.

Mas voltando ao bravo, estou satisfeito, e na generalidade é um carro muito bom e bem melhor que o referido megane em interiores, equipamento...

Terminado o meu sogro tem um stilo 1.2 a caminhar para os 250000Km alegremente. Sempre em andamento regular e sem andar de reboque.

Mas o meu futuro carro não será certamente desta marca, isto à custa do 500 e da falta de respeito da marca pelo cliente.

Nonnu

  • Moretti

  • Offline
  • *
  • 234
  • Karma:
    +0/-0
  • Sexo
    Masculino

    Masculino
Re: Bravo 1.4 T-jet
« Responder #6408 em: 21 de Julho, 2014, 11:22:10 »
Vamos la ver...
Eu também gosto do carro em si
Problema é que ele dá avarias mecânicas bastante dispendiosas
Ora um cliente de um ferrari, não se preocupa que o ferrari esteja na oficina todos meses com custos de milhares de euros
Mas um cliente típico (pobre) já se preocupa que o fiat bravo esteja na oficina todos anos com faturas de centenas ou mesmo ultrapassando o milhar de euro (excluindo manutenções claro)
preciso de um carro fiável minimamente ate aos 300 000 (excluindo manutenções)
Minha opel astra foi, e fez 397 000
o fiat bravo não é
Apesar de (excluindo isso), e quando não esta avariado, o carro é muito bom no computo geral
Apenas frágil em avarias e como tu dizes hmlopes, a marca está-se cag...
Uma pena mesmo, mas provavelmente irei regressar á Opel, ou então um Mercedes em 2ª mao
Mas isto so daqui por 5 ou 6 anos, ate lá olha, tenho de me ir aguentando, o bravo tem de fazer no mínimo 10 anos e 350 000 km
Só tem 5 anos e 132 000
Final de agosto vai arranjar, lá se vai subsidio de ferias... em vez de ir de ferias como planeado, vou arranjar as transmissões, ridículo, mas é a vida, orçamento na fiat disseram que a correr bem, é no mínimo 720€, ora claro já meti as barbas de molho ate aos 1000€, já sabemos que nestas coisas há sempre mais qualquer coisa.
Abraço

GT Abarth

  • Moderação
  • Ferrari

  • Offline
  • ****
  • 27460
  • Karma:
    +24/-14
  • Sexo
    Masculino

    Masculino
  • Texto Pessoal
    La vita è troppo corta per non guidare Italiano
Re: Bravo 1.4 T-jet
« Responder #6409 em: 21 de Julho, 2014, 15:03:22 »
Aqui existem questões a 3 níveis.

1- Uma é a marca mesmo.

2- Outra são os concessionários da marca, que deviam ser "a marca junto do cliente" e não são.

3- Finalmente já me apercebi que principalmente nas marcas de volume e de clientes com menos dinheiro: FIAT, Renault, Peugeot, etc...
Existe muito o expediente do disfarçar por parte dos concessionários que a casa mãe é que isto e aquilo, baseados na imagem de marca. Ou seja, ao contrário é muito mais complicado com marcas com a imagem de BMW, Mercedes e assim, porque o cliente terá muita dificuldade em engolir.
Já se contarem a cantiga do bandido que a PSA estava falida, a FIAT idem, que os carros vêm ás 3 pancadas, cola mais.

Quando se consegue chegar com um problema à marca mesmo, por vezes o resultado é completamente diferente do concessionário, FIAT Portugal, FIAT mãe.
Se não me engano ao user FT, as transmissões foi assim:
- concessionário: assobia para o lado.
- FIAT Portugal: 50% (disfarçados claro, porque pagar metade do pedido normalmente deverá pelo menos não os fazer ter prejuízo).
- FIAT mãe: 100%

As concessões não andam fáceis, e as casas mãe têm retirado bastantes.
Na FIAT por cá imensas.

Até a BMW que em Portugal mesmo com piores anos de crise SUBIU vendas, de 40 concessões, no final de 2013 retirou 9.
Algumas fizeram muita asneira e quando é assim a casa mãe castiga.
Vetture Italiane: più di automobili, uno stile di vita!

Stilo Abarth
www.fiatistas.com/forum/index.php?topic=12637.0

Punto GT3
www.fiatistas.com/forum/index.php?topic=15451.0

GT Abarth

  • Moderação
  • Ferrari

  • Offline
  • ****
  • 27460
  • Karma:
    +24/-14
  • Sexo
    Masculino

    Masculino
  • Texto Pessoal
    La vita è troppo corta per non guidare Italiano
Re: Bravo 1.4 T-jet
« Responder #6410 em: 21 de Julho, 2014, 15:13:30 »
O que me chateia é mesmo a atitude... oiço muitas vezes noticias de marcas como a toyota que recolhem carros com 10 anos e mais para corrigir defeitos detectados.

Realmente era uma coisa que a FIAT deveria fazer.
Mas por acaso, excepção que confirma a regra, existe uma recolha em Stilos com 12-11-10 anos para verificação da caixa de direcção.
Se verificarem anomalia, trocam.
Isto é algo que avariando seria para perto de 1000 €.


Mas o meu futuro carro não será certamente desta marca, isto à custa do 500 e da falta de respeito da marca pelo cliente.

Eu, como ainda não estamos no 3º mundo, continuarei a escolher o CARRO que EU entender, a não ser que acabassem as hipóteses de assistência, por pior que a dita "marca" se porte.
Afinal se eu quiser aquele carro, não são os possíveis idiotas que estão a representar que me vão tirar o prazer de ter o que eu quero.

Claro que situações como ainda aconteciam até meados dos anos 80 são impeditivas.
Por exemplo: Daihatsu fazia uns carros muitos interessantes, ou os Innocentis quando levaram os motores Daihatsu.
Por melhor que fossem, quando se avançava para uma revisão os carros chegavam a estar meses parados à espera das peças.
Claro que se podia adiar manutenção, agora quando era algo estragado não.
Vetture Italiane: più di automobili, uno stile di vita!

Stilo Abarth
www.fiatistas.com/forum/index.php?topic=12637.0

Punto GT3
www.fiatistas.com/forum/index.php?topic=15451.0

hmlopes

  • Giannini

  • Offline
  • *
  • 589
  • Karma:
    +0/-0
  • Sexo
    Masculino

    Masculino
  • Texto Pessoal
    Bravo Sport Tjet ; 500 Lounge Twinair
Re: Bravo 1.4 T-jet
« Responder #6411 em: 22 de Julho, 2014, 14:14:05 »
Foi aqui citado um astra... pois conheço um que teve uma avaria gravissima (polia de cambota partida e consequente desamarranço de motor) mesmo antes de completar os 100000Km... cada caso é um caso!

Quanto ao Fiat 500, tive uma resposta da Fiat Portugal igual à do concessionário, pelo que subentendo que sejamos em casa mesmo maus utilizadores de carros e que o carro não tenha defeito. :smashfreakB:

Não obstante isso o Bravo, que pode eventualmente ter reparações caras, não me merece queixas. Pelo preço não se compra nem comprava nada melhor à data da venda. É um bom value for money.

GT Abarth

  • Moderação
  • Ferrari

  • Offline
  • ****
  • 27460
  • Karma:
    +24/-14
  • Sexo
    Masculino

    Masculino
  • Texto Pessoal
    La vita è troppo corta per non guidare Italiano
Re: Bravo 1.4 T-jet
« Responder #6412 em: 22 de Julho, 2014, 14:35:07 »
O Bravo na prática esteve uns 2 anos no mercado com um motor absolutamente de uma liga à parte.
Efectivamente mais nenhum concorrente tinha hipótese.

E isso efectivamente fez vender muito o Bravo nos 2 primeiros anos.
Isto é relativo claro, pois já quase só se vendiam carros a gasóleo.
Agora dentro dos C a gasolina o Bravo teve muito sucesso, apesar de no total no nosso mercado isso não representar grandes números.

E está ai um dos motivos que sempre levou a FIAT a vender bem: ter um motor acima do resto do mercado.
Já tinha acontecido com os 1.2 16v 86cv.
Sem dúvida o motivo principal que levava as pessoas a escolher os modelos com ele montado.

Já tinha acontecido com o FIRE 1000, que estava estratosféricamente acima da concorrência.
Ainda hoje mesmo que queime a junta, se repara um FIRE 8V por menos de 100 €, pelo preço de um depósito de gasolina.

Temos casos no passado de domínio do mercado por modelos mesmo "o melhor do segmento" como o Punto 176 e o Uno.
Aliás o Uno foi mesmo vários anos seguidos o carro mais vendido na Europa, no tempo em que havia "Liras" e os preços dos FIAT's eram mais competitivos e no tempo em que o Uno por todos os mercados Europeus estava nas tabelas de vendas logo ali atrás dos carros desses países e não fora dos Top Tens como hoje.
Vetture Italiane: più di automobili, uno stile di vita!

Stilo Abarth
www.fiatistas.com/forum/index.php?topic=12637.0

Punto GT3
www.fiatistas.com/forum/index.php?topic=15451.0

Nonnu

  • Moretti

  • Offline
  • *
  • 234
  • Karma:
    +0/-0
  • Sexo
    Masculino

    Masculino
Re: Bravo 1.4 T-jet
« Responder #6413 em: 22 de Julho, 2014, 17:12:14 »
bem, decidi hoje enviar um mail elaborado á Fiat Portugal, vamos ver no que dá...

rcorreia

  • Novato

  • Offline
  • *
  • 14
  • Karma:
    +0/-0
Re: Bravo 1.4 T-jet
« Responder #6414 em: 28 de Julho, 2014, 20:32:14 »
Boas a todos os Fiatistas.

Tenho um Bravo T-jet desde 2010 e estou muito satisfeito. Zero avarias e muito prazer de condução.

Mas tenho um problema: o concessionário da Fiat na Madeira fechou, e a Fiat Portugal indicom como alternativa, o concessionário que tem a representação da Alfa Romeu. Mas conheço muitas pessoas que têm tido problemas nesse sítio, e queria outra alternativa.

Alguém conhece uma oficina na Madeira onde se possa levar o Bravo, e que se possa ter um serviço em condições?

Cumprimentos

Nonnu

  • Moretti

  • Offline
  • *
  • 234
  • Karma:
    +0/-0
  • Sexo
    Masculino

    Masculino
Re: Bravo 1.4 T-jet
« Responder #6415 em: 04 de Agosto, 2014, 18:06:38 »
Ora bem, resposta final da Fiat após vários telefonemas e email...

Não tem direito a nada pois transmissões são peças de desgaste e o carro já tem 5 anos, e que se realmente houvesse defeito da peça a Fiat já teria dado por isso e mandado recolher os carros para substituição das peças... São uns queridos !!  Ha Ha Ha

Toma lá e embrulha, paga e não bufa  :)

Ganharam um cliente para futuro :)  Iram ganhar mais alguns euros comigo, mas...

Obrigado Fiat !!

Abraço

GT Abarth

  • Moderação
  • Ferrari

  • Offline
  • ****
  • 27460
  • Karma:
    +24/-14
  • Sexo
    Masculino

    Masculino
  • Texto Pessoal
    La vita è troppo corta per non guidare Italiano
Re: Bravo 1.4 T-jet
« Responder #6416 em: 04 de Agosto, 2014, 23:44:04 »
Reclama mais.

Argumenta que houve pessoas na mesma situação a quem foram dadas as transmissões e outras a quem deram "50%".  :smashfreakB:
Vetture Italiane: più di automobili, uno stile di vita!

Stilo Abarth
www.fiatistas.com/forum/index.php?topic=12637.0

Punto GT3
www.fiatistas.com/forum/index.php?topic=15451.0

valter94

  • Encartado

  • Offline
  • *
  • 91
  • Karma:
    +0/-0
Re: Bravo 1.4 T-jet
« Responder #6417 em: 25 de Agosto, 2014, 12:59:52 »
Boas
Mandei vir umas velas para o T-Jet de um site de peças mas elas em vez de serem IKR9F8 são IKR9J8 e são de iridium.
Alguém sabe se são compatíveis com o T-jet?

jmonteiro

  • Abarth

  • Offline
  • *
  • 3829
  • Karma:
    +0/-0
  • Sexo
    Masculino

    Masculino
  • Texto Pessoal
    Movidos pela paixão.
    • Forum Puntoevolution
Re: Bravo 1.4 T-jet
« Responder #6418 em: 25 de Agosto, 2014, 13:35:06 »
Boas
Mandei vir umas velas para o T-Jet de um site de peças mas elas em vez de serem IKR9F8 são IKR9J8 e são de iridium.
Alguém sabe se são compatíveis com o T-jet?
Pelo que vi nuns sites as IKR9J8 dão nos T-jet.. Mas googla um pouco e tens ajuda decerteza  ;)

valter94

  • Encartado

  • Offline
  • *
  • 91
  • Karma:
    +0/-0
Re: Bravo 1.4 T-jet
« Responder #6419 em: 25 de Agosto, 2014, 14:31:27 »
Pelo que vi nuns sites as IKR9J8 dão nos T-jet.. Mas googla um pouco e tens ajuda decerteza  ;)
ok Obrigado